Postado em: 07/11/2016 07:48:07

Post by: Jeferson Luiz

Papa pede que governos concedam clemência a detentos

O apelo foi feito ontem domingo (6) durante uma missa no Vaticano para presidiários, familiares e funcionários de complexos italianos.

O papa Francisco pediu aos governos do mundo todo 'clemência' para os detentos por ocasião do Ano Santo da Misericórdia. O apelo foi feito ontem domingo (6) durante uma missa no Vaticano para presidiários, familiares e funcionários de complexos italianos.

"Apontar o dedo contra alguém que errou não pode virar um álibi para esconder as próprias contradições. Sabemos que ninguém diante de Deus pode ser considerado justo. Toda vez que eu entro em um centro de detenção, pergunto: 'por que não eu?'", disse Francisco diante de uma multidão na Praça São Pedro.


"Gostaria de fazer um apelo por melhoramentos das condições de vida nas prisões do mundo todo, para que seja respeitada a dignidade humana dos detentos. Além disso, queria destacar a importância de refletir sobre a necessidade de uma justiça penal que não seja exclusivamente punitiva, mas aberta à esperança e à perspectiva de reinserir o réu na sociedade. De maneira especial, também coloco em consideração das autoridades civis competentes de cada país, neste Ano Santo de Misericórdia, um ato de clemência", pediu o Papa.

Durante a missa no Vaticano, o líder da Igreja Católica disse também que 'Deus está mais presente nas pessoas que cometeram erros', justamente para 'gerar arrependimento, perdão e reconciliação'. "Às vezes, uma cerca hipocrisia limita a ver em vocês uma pessoa que errou e que o único caminho e o da prisão. Não é pensada na possibilidade de mudar de vida, tem-se pouca confiança na reabilitação. Deste jeito, acaba-se esquecendo que todos nós somos pecadores, somos também prisioneiros, mesmo sem nos darmos conta".

Fonte: Bonde

TÓPICOS: Religião